Oração de Santo Tomás de Aquino

Eu vos dou graças,
ó Senhor, Pai Santo, Deus eterno e todo poderoso,
porque, sem mérito algum de minha parte,
mas somente pela condescendência de vossa misericórdia,
vos dignastes saciar-me, a mim pecador,
vosso indigno servo,
com o Sagrado Corpo e o Precioso Sangue de vosso Filho,
nosso Senhor Jesus Cristo.
Eu peço que esta Santa Comunhão
não me seja motivo de castigo,
mas salutar garantia de perdão.
Seja para mim armadura da fé, escudo de boa vontade
e libertação dos meus vícios.
Extinga em mim a concupiscência e os maus desejos,
aumente a caridade a paciência,
a humildade e a obediência,
e todas as virtudes.
Defenda-me eficazmente contra as ciladas dos inimigos,
tanto visíveis como invisíveis.
Pacifique inteiramente todas as minhas paixões,
unindo-me firmemente a vós, Deus uno e verdadeiro,
feliz consumação de meu destino.
E peço que vos digneis conduzir a mim pecador
aquele inefável convívio em que vós,
com vosso Filho e o Espírito Santo,
sois para os vossos Santos a luz verdadeira,
a plena saciedade e a eterna alegria,
a ventura completa e a felicidade perfeita.
Por Cristo, nosso Senhor.
Amém.


Oratio S. Thomae Aquinatis (Gratiarum Actio post Missam)

Grátias tibi ago,
Dómine, sancte Pater, omnípotens aetérne Deus,
qui me peccatórem, indígnum fámulum tuum,
nullis meis méritis, sed sola dignatióne misericórdiae tuae
satiáre dignátus es pretióso Córpore et Sánguine Fílii tui,
Dómini nostri Iesu Christi.
Et precor, ut haec sancta commúnio
non sit mihi reátus ad pœnam,
sed intercéssio salutáris ad véniam.
Sit mihi armatúra fídei, et scutum bonae voluntátis.
Sit vitiórum meórum evacuátio,
concupiscéntiae et libídinis exterminátio,
caritátis et patiéntiae, humilitátis et obœdiéntiae,
omniúmque virtútum augmentátio:
contra insídias inimicórum ómnium
tam visibílium quam invisibílium, firma defénsio:
mótuum meórum, tam carnálium quam spiritálium,
perfécta quietátio:
in te uno ac vero Deo firma adhaésio,
atque finis mei felix consummátio.
Et precor te, ut ad illud ineffábile convívium
me peccatórem perdúcere dignéris,
ubi tu, cum Fílio tuo et Spíritu Sancto,
Sanctis tuis es lux vera, satíetas plena,
gáudium sempitérnum,
iucúnditas consummáta et felícitas perfécta.
Per Christum Dóminum nostrum.
Amen.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Twitter